Transição para o Ensino Médio

Transição para o Ensino Médio

Todos os anos, os estudantes passam pela adaptação de novos conteúdos, conhecimentos e  desafios; nada nunca é como no ano anterior e, como em um jogo de videogame, a cada momento em que o tempo passa, os desafios são maiores e mais decisivos.

Uma dessas etapas é a passagem do Nono Ano para o Ensino Médio, cuja característica das aulas e do conhecimento abordado altera e aprofunda-se em meio a uma nova carga de disciplinas e um número maior de professores e conteúdos.

Essa transição é atenuada quando temos uma preocupação com a mudança já nos Nonos Anos e trabalhamos nas disciplinas conceitos básicos que são requisitados durante o Ensino Médio, como a identificação com as situações históricas vivenciadas em outras culturas e outros períodos de tempo.

Nas aulas de História do 9º Ano, os alunos assistem a trechos de filmes que eram apresentados em cinemas dos períodos estudados, assim como músicas e propagandas com a finalidade de fazê-los compreender outras passagens de tempo e outros momentos históricos em que a comunicação não era como nos dias atuais e a informação tinha fontes muito mais limitadas.

A utilização de ferramentas como o Youtube auxilia nessa “Viagem no tempo” e também é apresentada como fonte para um acervo antigo de vídeos e de imagens em que os alunos são ensinados a entender aqueles elementos históricos como uma versão do todo.

Um exemplo em que se pode entender esse uso é na música Fortunate Son do Creedence Clearwater Revival (https://www.youtube.com/watch?v=40JmEj0_aVM) ou em entrevistas dadas por importantes personalidades da História do Brasil, como do Ex-Presidente Jânio Quadros, no programa “Pinga Fogo”, da extinta TV Tupi, em maio de 1979, (https://www.youtube.com/watch?v=wgYq6ngyTRg). Esse elemento tem como intenção levar nossos estudantes a compreender a situação política vigente em outros contextos históricos. 

Mais que formação, é transformação!

0 Comentários

Deixar uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

*