Resgate de Brincadeiras

Resgate de Brincadeiras

Hoje em dia, tendo em vista a modernidade e o fácil acesso à tecnologias, somado ao espaço cada vez mais reduzido para brincar, virou comum que as crianças deixem de praticar algumas brincadeiras e até mesmo de criarem seus próprios brinquedos, como antigamente, por optarem ficar em frente à telinha, seja televisão, computador ou celular.

Outra característica que os deixa longe de algumas atividades é o chamado esporte espetáculo, onde a mídia influencia certos comportamentos sociais ao apresentar esse ou aquele esporte com mais destaque ou em comparações, deixando de lado algumas atividades tradicionais.

WP_20160331_002Assim, os professores Egon e Eduardo, propuseram que os 7° anos fizessem um resgate de duas brincadeiras tradicionais: o jogo de taco e a peteca. Neste último, os alunos tiveram que confeccionar a própria peteca para poder brincar, tudo com a supervisão e orientação dos professores de Educação Física.

Essa prática reforça a consciência de que o brincar faz parte da vida da criança e deve continuar presente na juventude, pois além de estimular a criatividade, é a partir dos conceito experimentados que se constrói o aprendizado, que leva à compreensão do respeito, convivência em grupo, respeito às regras, entre outros valores essenciais.

  WP_20160407_004 WP_20160407_011 WP_20160407_027

IMG_20160418_152310663_HDR

0 Comentários

Deixar uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

*